segunda-feira, março 9

Poeta Dunga Júnior pleiteia cadeira na Academia de Cordel do Vale do Paraíba


divulgação/facebook
Indicado pelo acadêmico Walter Goes, o Vavá da Luz, a eleição por aclamação de Dunga Júnior será realizada no dia 27 de março, durante a assembleia geral da entidade, que será realizada em Ingá.

Dunga Júnior tem 48 anos, natural de Campina Grande, professor e líder político da região do cariri paraibano. O ex-parlamentar é adepto da literatura de cordel, sendo autor de vários títulos, “uma paixão adquirida na infância”.


A literatura de cordel não nasceu no Nordeste do Brasil. Ela surgiu na Idade Média como forma escrita dos trovadores medievais que cantavam histórias do cotidiano de forma rimada. Em Portugal adquiriu-se o hábito de pendurar os escritos em cordas, por isso o nome “literatura de cordel”. Escritores famosos, como Gil Vicente, eram adeptos da literatura de cordel com seus poemas.
O costume português acabou desembarcando aqui no Brasil e fazendo grande sucesso no Nordeste, principalmente no sertão. As pessoas contavam histórias sobre lendas de suas cidades ou acontecimentos cotidianos em forma de poesia, que são cantadas por repentistas.
A Academia de Cordel do Vale do Paraíba foi fundada em 24 de janeiro deste ano, com sede em Itabaiana, no Ponto de Cultura Cantiga de Ninar, tendo como Presidente o poeta Sander Lee.

PROGRAMAÇÃO DO ENCONTRO DOS CORDELISTAS EM INGÁ – 27 DE MARÇO

14:00 – Assembleia Geral para aprovação do estatuto e novos membros.
15:00 – Conferência. Sesquicentenário de Leandro Gomes de Barros (Convidado)
16:00 – Coffe Black
16:30 – Lançamento de cordéis
17:30 – Recitais
19:00 – Jantar
20:00 – Continuação dos recitais e apresentação do grupo “Ganzá de Ouro”
21:00 – Coquetel e encerramento

Fonte: Blog do Vavá da Luz

Nenhum comentário:

Postar um comentário